Filtro solar é Equipamento de Proteção Individual na construção civil

Filtro solar é Equipamento de Proteção Individual na construção civil

Empresas da construção civil precisam se atentar para o que determina uma portaria do Ministério do Trabalho que colocou o filtro solar como Equipamento de Proteção Individual (EPI).

Como a maioria das obras acontecem em locais abertos, os trabalhadores ficam expostos ao sol e propensos a desenvolver o câncer de pele.
A doença mata mais de 3 mil brasileiros todos os anos e pode ser evitada através do uso de protetor solar que deve ser aplicado todos os dias.

Para se ter uma ideia do nível de desenvolvimento desta doença, o câncer de pele corresponde a 30% dos tumores malignos registrados no país. Só em 2016 175.760 casos da doença foram identificados no Brasil.

Empresas do setor de construção civil já entenderam a importância do uso do filtro solar e já entregam o produto aos seus colaboradores.

Um dos principais exemplos é o trabalho da empresa Dinâmica Engenharia que atua em Goiás. A empresa dá palestras aos seus trabalhadores sobre o tema e os estimula a passar o protetor todos os dias.

Empresas da construção civil devem tratar sobre o tema:

Na Dinâmica Engenharia a técnica de segurança do trabalho, Marta Vilela, explicou que os trabalhadores da construção civil devem aplicar o protetor duas vezes ao dia, ainda que o dia esteja nublado.

“Eles passam o filtro solar ao chegarem na obra e ao retornarem do almoço”, afirmou a profissional. Ainda de acordo com ela a empresa gasta 8 itros de filtro solar só em uma de suas obras.

O Instituto Nacional do Câncer (Inca) indica o uso de protetores com no mínimo o FPS 30 que forma uma barreira contra os raios solares que podem causar a doença.

Fora isso, o instituto também indica o uso de chapéus ou bonés, indica o uso de roupas de mangas longas de algodão e, quando for possível, usar óculos de sol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *